Blog da série #SOStraduçãomédica 


Severe

21/01/2020

"Doença severa": essa é figurinha fácil nas traduções de "severe", quer pela semelhança fonética, quer pelo peso e respeito que o termo inspira, que o faz parecer "sério e fidedigno".

Acontece que a severidade é basicamente uma qualidade moral, daí o "peso" do termo. Ao consultar o dicionário de sinônimos on-line vemos que os seus sinônimos são...

Management

20/01/2020

A questão do "manejo" cai na busca da clareza: a linguagem médica e científica deve ser simples e clara, procurando não usar termos que deem margem a outras interpretações a fim de assegurar a boa compreensão do conteúdo.

A terminologia referente à obtenção de informações médicas é encontrada nos livros de semiologia médica. A "história médica" é a anamnese, que é formada por vários subitens como queixa principal, história da doença atual, história patológica pregressa, história familiar, história epidemiológica, etc. Essa terminologia específica é a que deve ser...

Sejam todos bem-vindos!

A ideia é trazer sugestões para termos ou expressões corriqueiras (ou complexas) encontrados nos textos médicos e científicos em inglês a serem traduzidos para o português e que representam algum grau de dificuldade para o tradutor médico.

Esta série começou no início do ano e a hashtag #SOStraduçãomédica pode ser seguida no LinkedIn, no Twitter ou no Instagram. Aqui atualizaremos os posts, acrescentando comentários explicativos.

Nosso trabalho se pauta no conceito que o texto médico/científico deve ser simples e claro, para não dar margem a equívocos. Já basta a complexidade do conteúdo. Ao mesmo tempo, acreditamos que a boa tradução faz parecer que o texto foi redigido originalmente no idioma para o qual foi traduzido - a chamada localização. O ideal é que a leitura sejá fácil, fluente e que o idioma facilite a transmissão do conhecimento.

Se alguém quiser colaborar com a série basta enviar a sua sugestão por e-mail (na aba Contato) e, caso aprovada, será publicada com os devidos créditos.